15 abril 2009

Petrus Gouden Tripel


A cervejaria Bavik surgiu no ano de 1894 na Bélgica e foi criada pelo fazendeiro Adolphe De Brabandere. A cervejaria existe até hoje e ainda pertence à mesma família depois de quatro gerações. Além de produzir cervejas, curiosamente eles também trabalham com a produção de águas gourmet, sucos de frutas e vinhos. As cervejas produzidas pela Bavik são:

Bavik Pils (uma Pilsen), Wittkerke (uma WitBier), Wittekerke Speciale, Wittkerke Rosé, Ezel, White, Ezel Brown, Pilaarbijter Blond e Pilaarbijter Dark.

O carro chefe da empresa é a linha de cervejas Petrus, incluindo as versões Blond, Double Brown, Aged Pale, Winterbeer, Speciale, Oud Bruin (uma Flemish Brown Ale envelhecida por dois anos em barril de carvalho) e a Petrus Golden Tripel, a única que está sendo importada no Brasil e tive o prazer de degustar. Curiosamente, o nome Petrus significa São Pedro em Latim e mostra a íntima ligação da igreja e da religião com as cervejas no velho continente.


Petrus Gouden Tripel - Belgian Tripel, 7.5%ABV, garrafa 330ml.

Cor: Dourada, levemente turva.
Espuma: Altíssima formação e duração, de cor branca, ótima consistência, perlage intenso.
Aroma: Malte, doce, cítrico, frutado (laranja), lúpulo, fenólico, picante, leve álcool.
Paladar: Malte, doce, cítrico, frutado (laranja), picante, álcool, amargor final de média duração, bom corpo, alta carbonatação.

Boa cerveja. Belíssima espuma. O aroma não se revela muito fácil, mas no sabor compensa um pouco com boa presença de maltes, um bom frutado e cítrico que lembra laranja além de um amargor gostoso no final. É bem picante, como uma Tripel deve ser. Gostei e estou curioso quanto às outras cervejas da linha. Podem importar que devem ser interessantes.

9 comentários:

rodrigo disse...

Bela cerveja, espuma maravilhosa, linda cor. Perfeita!!
Parabens pelo blog. Infelizmente, não o conhecia antes, mas agora já está nos favoritos.
abraço

Rodrigo Campos disse...

Olá Rodrigo,

Realmente chama bem a atenção a aparência desta cerveja. Muito bonita! Ficou uma beleza na taça da Duvel, a qual considero a taça ideal para degustar cervejas.

Obrigado pelo elogio ao blog, pois escrevo com muito carinho.

O Humm Cerveja eu já conhecia e acompanhava a tempos e espero que a partir de agora você sempre "dê as caras por aqui". Será sempre muito bem vindo. Agradeço a inserção do Para Que VoCerveja nos Links do seu blog.

Só por curiosidade, mas de Rodrigo escrevendo Blog cervejeiro nós estamos muito bem: Rodrigo Campos no Para Que VoCerveja, Rodrigo Lemos no Beer Architecture e o Rodrigo Tozzi no Humm Cerveja!

Grande abraço.

Fangorn disse...

Olá Rodrigo, tudo bem?

Ficamos gratos e felizes pelo seu interesse a respeito de nossas receitas. É muito bom saber que temos pessoas realmente interessadas na arte da cerveja e leva isso a sério.
Nossa produção é limitada a algumas dezenas de garrafas apenas. Não costumamos prometer garrafas antes que tenhamos concluido todo o processo e tenhamos provados e aprovados a cerveja. Acreditamos que isso é uma maneira de sempre estarmos prezando pela qualidade do que elaboramos e pela satisfação de quem irá aprecia-la, mesmo porque não industrializamos esse processo ainda. Porém ficaremos muito felizes em poder enviar uma garrafa especial para você assim que concluído o processo e ela estar completamente aprovada! Em função disso estou adicionando você em nosso blog para que possamos sempre estar mantendo contato!
Não posso deixar de parabeniza-lo pelo excelente blog que voc~e mantém. Além de muito esclarecedor sobre algumas marcas as vezes inacessíves, é uma grande fonte de informação a respeito do tema.

Um grande abraço e mantenha contato!

rodrigo disse...

hehehe... verdade, ser Rodrigo é o que manda!!!
Pode deixar que vou visitar sempre.

abraços

Petrus Albino disse...

Prezado, boa noite!

Td bem?

Recebi do Falkone este link do seu blog...Gostaria de saber de uma loja que posso comprar esta cerveja.

Certo de sua atenção, agradeço antecipadamente.

Att;

Petrus

Rodrigo Campos disse...

Olá Petrus,

A cerveja Petrus eu comprei na loja Nono Bier que vende pela net. Inclusive eles mesmos são os importadores desta cerveja. Já comprei várias vezes com eles e nunca tice problemas.

Parece que você mora em BH. Estive lá na semana passada e vi uma grande variedade no posto da mamãe (av. do contorno, 1955). Eles tinham muitas cervejas importadas pelo pessoal do Nono Bier, mas não lembro de ter visto a Petrus lá. Vale conferir.

Espero ter sido útil.
Um abraço.

Petrus disse...

Prezado Rodrigo, boa tarde!

Sua informação foi muito útil. Acho mais fácil comprar via internet. Já fiz uma encomenda da cerveja e também das taças.

Abçs e como diz nosso amigo Falkone: Pão e Cerveja.

Petrus

Petrus disse...

Rodrigo, bom dia!

Td bem?

Novamente gostaria de elogiar o Blog e informar que, conforme nosso contato anterior, já comprei pela net a cerveja Petrus, degustei e achei excelente. Mas, como não domino técnicas de produção, como consumidor, achei estranho o depósito no fundo da taça. Isso é normal neste tipo de cerveja Belga?

Certo de sua atenção, agradeço antecipadamente suas orientaçãoes.

Abçs;

Petrus Albino

Rodrigo Campos disse...

Olá Petrus,

Fico feliz que você também tenha gostado da cerveja e por você continuar a acompanhar o blog.

Quanto ao depósito no fundo da garrafa, nada mais é do que o fermento. A maioria das cervejas que conhecemos não tem a levedura porque passa por uma filtragem que tira o depósito e a cerveja envasada já está carbonatada (com gás).

Em algumas cervejas, para carbonatar, o fabricante adiciona mais fermento e um pouco de açúcar (o alimento do fermento) para que ocorra uma nova fermentação dentro da garrafa, produzindo mais gás carbônico.

Um ponto positivo deste processo é que a cerveja geralmente evolui com esta refermentação, produzindo novos sabores e aromas. Você pode encontrar cervejas que passam por este processo em todos os países e não somente na Bélgica. As cervejas de trigo alemãs também passam por essa refermentação. A diferença é que na Bélgica geralmente eles recomendam não servir o fermento junto com a cerveja para manter a bebida com uma aparência menos turva. Eles recomendam deixar o final da cerveja (com a levedura) para ser degustada separadamente. Não se preocupe em servir tudo junto, você não vai estragar a sua degustação.

Um abraço.

Related Posts with Thumbnails