22 junho 2012

Turismo Cervejeiro na Bélgica (Bruges) - Staminee de Garre


Entrada do Staminee de Garre.

Bruges é uma cidade linda. Suas ruelas, canais e a atmosfera medieval quase nos transportam através do tempo. Todo turista que vai à Bélgica, mesmo aqueles que não vão pela cerveja, querem visitar Bruges. Na maioria dos locais que visitei, a presença de visitantes não pareceu ser um problema para os locais. Em cidade turística a presença de visitantes significa também dinheiro, mas infelizmente em um local eu percebi que os turistas podem não ser bem vindos. O local em questão é um dos mais famosos entre os caçadores de cervejas, o Staminee de Garre.

 
Portão de entrada para o beco. 

Beco onde fica o Staminee de Garre.

Esse barzinho, minúsculo mesmo, fica escondido dentro de um beco. Não dá para dizer que alí tem um bar se você já não for sabendo disso. Não tive grandes dificuldades para encontrar mas minha pesquisa prévia utilizando o Street View do Google ajudou muito. 

O motivo dele ser famoso entre os amantes das cervejas é a Tripel de Garre, vendida somente on tap no local e eventualmente em garrafas de 1,5 litros. Fui somente para provar a dita Tripel mas ao fazer meu pedido só requisitei uma taça para mim e nada para minha acompanhante. Fui avisado da forma mais graciosa possível pela simpática garçonete de que não poderia ficar se minha acompanhante não bebesse nada. Como queria muito provar a Tripel de Garre fiz o pedido logo da segunda cerveja. Terminadas as duas cervejas fui conversar com o barman. Afirmei que entendia que eles não queriam uma pessoa ocupando uma cadeira sem consumir mas não precisavam tratar clientes daquela forma. Ele foi extremamente cordial e pediu desculpas mas veio novamente minha amiga afirmando que estava cansada de turistas atrapalhando o trabalho dela. Existe uma história de que eles servem no máximo três taças da De Garre por pessoas mas não fiquei para confirmar. 

A Tripel de Garré realmente é uma ótima cerveja mas existe um endeusamento dela pela dificuldade em encontrar. Com certeza já bebi outras Tripels tão boas ou melhores que ela. O Staminee de Garre tem um ambiente agradável e uma carta de cervejas não muito extensa. Toda cerveja servida vem acompanhada de uma porção de queijos em cubos. Não sei se tive azar e peguei minha amiga em um dia ruim. Quer conhecer o Staminee e a Tripel de Garre? Cuidado com o cão. 


Tripel de Garre - Belgian Tripel, 11.5% ABV, on tap.

Cerveja de cor âmbar, límpida, presença de malte, leve adociado, frutado lembrando laranja, lúpulo bem presente (herbáceo e cítrico). Aroma delicioso. A cerveja ao que parece é feita pela cervejaria Van Steenberge, mesma que faz as famosas Gulden Draak e Piraat. 

Cuvée des Trolls - Belgian Golden Strong Ale, 7% ABV, garrafa 250ml.

Cor âmbar bem clara, adocicado, fenólico condimentado, picante, leve álcool. Levíssimo amargor e residual doce bem presente. Não é das melhores Strong Golden Ales que já provei. A taça jateada é linda e ajuda na aparência do serviço.


2 comentários:

Fernando M Pacheco disse...

Muito interessante você desmistificar esse bar, que tanto falam por aí. Pessoalmente, continuo com vontade de conhecer, mesmo com o cão de guarda local. Quando estou fazendo turismo minha tolerância e bom humor são muito grandes, mas se fosse na minha cidade dificilmente voltaria ou recomendaria.

Rodrigo Campos disse...

Fernando,

Vale a pena conhecer sim. O lugar é muito comentado na net e você já atravessou meio mundo, não custa nada dar uma conferida. A Tripel e Garré é muito boa mas ainda prefiro gastar mais tempo provando umas Struise na loja que eles tem em Bruges.

Abraço.

Related Posts with Thumbnails