16 novembro 2010

Brooklyn Sorachi Ace



A Brooklyn Sorachi Ace faz parte de uma série especial da Brooklyn Brewery, a Brewmaster`s Reserve. A cada dois meses eles lançam uma nova cerveja dessas, mas a maioria delas fica à disposição somente "on tap". Uma das que foi envasada em garrafas é a Sorachi Ace. Ela é uma saison, ou farmhouse ale, um estilo belga rústico e condimentado que caiu no gosto dos americanos, sendo uma das novas manias das cervejarias americanas. O nome dela vem da variedade de lúpulo utilizado na cerveja, o Sorachi Ace, inventado por japoneses em 1988 através do cruzamento entre o Brewer`s Gold inglês e o Saaz tcheco. Este lúpulo tem notas cítricas e frutadas de limão muito intensas e foi a única variedade utilizada na cerveja. No processo de fabricação esta cerveja é fermentada com o fermento belga da Brooklyn, leva o raro Sorachi Ace cultivado no Oregon, passa por um dry hopping também com o mesmo lúpulo e no final passa por refermentação na garrafa com fermento de champanhe.

Apesar de já podermos encontrar algumas cervejas da Brooklyn Brewery no Brasil, a Sorachi Ace ainda não chegou por aqui. Infelizmente! Adoraria poder beber esta cerveja sempre. Talvez seja minha preferida desta cervejaria.


Brooklyn Sorachi Ace - Saison/ Farmhouse Ale, 7.6% ABV, garrafa 750 ml, US$ 13.

Cor: Dourada, levíssima turbidez.
Espuma: Altíssima formação, boa duração, cor branca, bem consistente, deixa marcas.
Aroma: Especiarias, sementes de coentro, frutado intenso (limão, laranja), cítrico, lúpulo (cítrico, floral, herbáceo, condimentado), baunilha, mel, malte.
Paladar: Malte (pão), mel, especiarias, sementes de coentro, frutado (laranja, limão), cítrico, leve acidez, lúpulo intenso (cítrico, herbáceo, condimentado), amargor final de baixa intensidade e boa duração, boa carbonatação, seca, corpo médio/baixo, refrescante.

Belíssima cerveja. Leve, aromática, refrescante, complexa e extremamente fácil de beber. No aroma, muitas ervas e especiarias. Tive a impressão da presença de sementes de coentro. O lúpulo é bem evidente, complexo, com muito herbáceo, floral e cítrico principalmente, equilibrando-se fenomenalmente com o intenso frutado que lembra limão. No sabor as características se repetem com um "plus" de acidez, característico das Saisons, que deixa a cerveja bem refrescante. A alta carbonatação advinda da refermentação também ajuda a dar mais refrescância e o fermento de champanhe utilizado deve colaborar com os tons condimentados encontrados na cerveja.

2 comentários:

Feijão disse...

Fala Rodrigo,

Tá comemeçando a baixar o nível hein, tá loco viu....vai começar a deixar a gente assim, cheio de desejos e salivando no teclado?

Muito bacana estas experiência hein caro, fico feliz que tenha conseguido estas preciosidades do mundo cervejeiro, assim como a Duvel Tripel Hop.
Não tem nenhuma sobrando ai não? rs

Abraços e muito legal as ultimas cervejas.

Paulo Feijão
www.obiercevando.com.br

Rodrigo Campos disse...

Olá Feijão,

Bom ver você por aqui. Realmente as experiências foram muito boas, e continuam sendo. Trouxe muita cerveja boa na mala, mais precisamente 46 garrafas, fora as que bebi por lá. Infelizmente o estoque está mais perto do fim agora, mas ainda tem muita coisa boa! Volte de vez em quando para ver o que ainda tem.

Me avisa se estiver de visita por aqui em Fortaleza que eu abro alguma belezinha.

Abraço.

Related Posts with Thumbnails